Atenção;Este site contém cenas violentas inadequadas para menores de 18 anos e pessoas sensíveis Aqui assuntos policiais são tratados da mais real maneira possível

HOMEM SEQUESTRADO NA SEXTA E ENCONTRADO MORTO A TIROS NO SÁBADO

FORÇA POLICIAL | 23:26 |

Um homem foi sequestrado e assassinado na noite dessa sexta-feira (8) em Alhandra, na Região Metropolitana de João Pessoa.
O corpo foi achado pela polícia na manhã deste sábado (9). O tenente Bertuni Silva, da 1ª Companhia Independente de Polícia Militar, disse que a vítima foi abordada por quatro homens armados, que utilizavam um Golf vermelho; as placas ainda não foram identificadas. A 1ª CIPM foi acionada para fazer as buscas, mas não localizou a vítima na noite de sexta. De acordo com o tenente Bertuni, o homem foi levado pela quadrilha e assassinado na Zona Rural de Alhandra. O corpo dele só foi encontrado na manhã deste sábado (9) num local chamado de Jussara e tinha perfurações provocadas por tiros. O tenente adiantou que o caso já foi repassado para a Polícia Civil e as investigações estão abertas para localizar os responsáveis e identificar as causas do crime. O corpo da vítima foi levado pela Gerência de Medicina e Odontologia Legal de João Pessoa.

Fonte; Aguinaldo Mota Cabuloso

Veja Outras Matérias Abaixo:

Seja Profissional Indique Á Fonte Correta; :
Plágio é crime,Veja;No campo penal: “Art. 184. Violar direitos de autor e os que lhe são conexos: (Redação dada pela Lei nº 10.695, de 1º.7.2003). Pena - detenção, de 3 (três) meses a 1 (um) ano, ou multa. (Redação dada pela Lei nº 10.695, de 1º.7.2003). § 1o Se a violação consistir em reprodução total ou parcial, com intuito de lucro direto ou indireto, por qualquer meio ou processo, de obra intelectual, interpretação, execução ou fonograma, sem autorização expressa do autor, do artista intérprete ou executante, do produtor, conforme o caso, ou de quem os represente: (Redação dada pela Lei nº 10.695, de 1º.7.2003). Pena - reclusão, de 2 (dois) a 4 (quatro) anos, e multa. (Redação dada pela Lei nº 10.695, de 1º.7.2003)”.Fonte;Portal A Desgraça