Atenção;Este site contém cenas violentas inadequadas para menores de 18 anos e pessoas sensíveis Aqui assuntos policiais são tratados da mais real maneira possível

PM DE IPU TIRA DE CIRCULAÇÃO DOIS BANDIDOS ALTAMENTE PERICULOSOS FAZENDO ASSALTO NA REGIÃO

portal a desgraça | 06:29 |

Dois bandidos foram presos após cometerem assalto em Ipu. Entrevista exclusiva com a esposa da vítima
Dois meliantes fortemente armados com um revólver 38 e 32 assaltaram o comerciante conhecido como "Airton do Mamão" na estrada que dá acesso a localidade de Taperinha, no distrito de Várzea do Giló, em Ipu.
O sinistro aconteceu no final da tarde desta quinta-feira (27-11-2014) quando os dois bandidos abordaram o comerciante roubando-lhe a quantia de R$ 713,00.
A Polícia Militar foi acionada e pouco tempo depois conseguiu prender os dois meliantes de posse do dinheiro e as duas armas municiadas. Os acusados preso: - Flávio Marcos da Silva Sousa, 26 anos, residente no bairro Breguedoff, de posse do revolver 38 marca Taurus, se apresenta na foto de camisa listrada, o outro individuo, Marcos Paulo Aureliano da Silva, 24 anos, ex-detento, cumpriu pena por assalto qualificado, residente no bairro do Corte, na foto de camisa azul.
Em entrevista ao comunicador da Rádio FM Cidade, Adilon Senna, a esposa da vítima disse que não é a primeira vez que ele é assaltado nesta localidade, desta feita os bandidos acabaram se dando mal. O Destacamento da Polícia Militar que participou da ocorrência foi o subtenente Evangelista, SD Cunha, SD Lucas Bragas e SD Jarbas.O comunicador da Rádio FM Cidade, Adilon Sena fez a entrevista com a esposa da vítima. *** Imagem e áudio de Adilon Sena - Reportagem da redação do Portal de Notícias Aconteceu Ipu.
Rádio FM Cidade e Portal de Notícias Aconteceu Ipu.

Veja Outras Matérias Abaixo:

Seja Profissional Indique Á Fonte Correta; :
Plágio é crime,Veja;No campo penal: “Art. 184. Violar direitos de autor e os que lhe são conexos: (Redação dada pela Lei nº 10.695, de 1º.7.2003). Pena - detenção, de 3 (três) meses a 1 (um) ano, ou multa. (Redação dada pela Lei nº 10.695, de 1º.7.2003). § 1o Se a violação consistir em reprodução total ou parcial, com intuito de lucro direto ou indireto, por qualquer meio ou processo, de obra intelectual, interpretação, execução ou fonograma, sem autorização expressa do autor, do artista intérprete ou executante, do produtor, conforme o caso, ou de quem os represente: (Redação dada pela Lei nº 10.695, de 1º.7.2003). Pena - reclusão, de 2 (dois) a 4 (quatro) anos, e multa. (Redação dada pela Lei nº 10.695, de 1º.7.2003)”.Fonte;Portal A Desgraça