Atenção;Este site contém cenas violentas inadequadas para menores de 18 anos e pessoas sensíveis Aqui assuntos policiais são tratados da mais real maneira possível

A TRISTE REALIDAE;VÍDEO MOSTRA PM SER ASSASSINADO POR BANDIDO AO REAGIR ASSALTO

FORÇA POLICIAL | 10:55 |

Um militar de Salvador que passava férias em Alagoas foi executado na manhã deste sábado, 27, no bairro da Ponta Verde, em Maceió, depois de reagir a assalto. Gutemberg Sacramento de Araújo Filho, 28 anos, foi alvejado com um disparo de arma de fogo na região do abdômen no momento em que se dirigia ao mar para se banhar antes de voltar para seu estado de origem.
De acordo com as primeiras informações sobre o caso, o militar que visitava a capital alagoana ao lado de sua esposa, já estava com a passagem comprada, mas antes de embarcar para Salvador, decidiu tomar um banho na praia de Ponta Verde e acabou sendo vítima da violência desenfreada que castiga Alagoas. A hipótese do crime ter sido um latrocínio (roubo seguido de morte), cada vez mais ganha força. Testemunhas contaram à polícia que objetos pessoais da vítima foram levados pelo criminoso. O corpo do militar foi reconhecido por sua esposa que ao estranhar a demora do marido em voltar para o apartamento em que estavam hospedados resolveu sair para procura-lo, mas já o encontrou sem vida. O acusado ainda não foi identificado, mas a Delegacia de Homicídios já recebeu câmeras do circuito interno de TV de um edifício que fica bem em frente ao local do crime e registrou tudo. A esposa da vítima confirmou para a polícia que o militar estava desarmado. Equipes do Instituto de Criminalística (IC) e Instituto Médico Legal (IML) estiveram no local para os devidos procedimentos. Veja o vídeo do momento do crime:Fotos CadaMinuto Vídeo Aqui Acontece

Veja Outras Matérias Abaixo:

Seja Profissional Indique Á Fonte Correta; :
Plágio é crime,Veja;No campo penal: “Art. 184. Violar direitos de autor e os que lhe são conexos: (Redação dada pela Lei nº 10.695, de 1º.7.2003). Pena - detenção, de 3 (três) meses a 1 (um) ano, ou multa. (Redação dada pela Lei nº 10.695, de 1º.7.2003). § 1o Se a violação consistir em reprodução total ou parcial, com intuito de lucro direto ou indireto, por qualquer meio ou processo, de obra intelectual, interpretação, execução ou fonograma, sem autorização expressa do autor, do artista intérprete ou executante, do produtor, conforme o caso, ou de quem os represente: (Redação dada pela Lei nº 10.695, de 1º.7.2003). Pena - reclusão, de 2 (dois) a 4 (quatro) anos, e multa. (Redação dada pela Lei nº 10.695, de 1º.7.2003)”.Fonte;Portal A Desgraça