Atenção;Este site contém cenas violentas inadequadas para menores de 18 anos e pessoas sensíveis Aqui assuntos policiais são tratados da mais real maneira possível

EM TODO O CEARÁ;VÍTIMAS DE ACIDENTES COM MOTOS LOTAM OS HOSPITAIS

FORÇA POLICIAL | 11:17 |

Os hospitais que deveriam cuidar de pessoas doentes, agora destinam 90% dos seus leitos para vítimas de acidentes com motos. Virou epidemia. Os números impressionam: no IJF de Fortaleza, maior hospital de emergência do Estado, dos 250 pacientes atendidos nos finais de semana, 140 são vítimas de acidentes de motos. Cada paciente passa em média duas semanas internados e o tratamento leva até seis meses em metade dos casos.

Outra parte fica com marcas para sempre e são aposentados precocemente. O tratamento de uma vítima de acidente de moto custa em média R$ 600 mil. O pior: no Brasil as fábricas produziram 1 milhão 420 mil motos em 2014. Em Sobral, a realidade não é nada diferente. Aqui, a Santa Casa de Misericórdia, hospital de referência em emergência para toda a região Noroeste, atende cerca de 70 acidentados por final de semana. A fila de espera por cirurgias corretivas na área traumatologica passa de 200 pacientes. Quem tem dinheiro, paga particular e tende a se recuperar mais rapidamente, quem espera pelo SUS, tem que se adequar ao sistema e esperar na fila. (com informações do Diário do Nordeste)

Veja Outras Matérias Abaixo:

Seja Profissional Indique Á Fonte Correta; :
Plágio é crime,Veja;No campo penal: “Art. 184. Violar direitos de autor e os que lhe são conexos: (Redação dada pela Lei nº 10.695, de 1º.7.2003). Pena - detenção, de 3 (três) meses a 1 (um) ano, ou multa. (Redação dada pela Lei nº 10.695, de 1º.7.2003). § 1o Se a violação consistir em reprodução total ou parcial, com intuito de lucro direto ou indireto, por qualquer meio ou processo, de obra intelectual, interpretação, execução ou fonograma, sem autorização expressa do autor, do artista intérprete ou executante, do produtor, conforme o caso, ou de quem os represente: (Redação dada pela Lei nº 10.695, de 1º.7.2003). Pena - reclusão, de 2 (dois) a 4 (quatro) anos, e multa. (Redação dada pela Lei nº 10.695, de 1º.7.2003)”.Fonte;Portal A Desgraça