Atenção;Este site contém cenas violentas inadequadas para menores de 18 anos e pessoas sensíveis Aqui assuntos policiais são tratados da mais real maneira possível

ACIDENTE DE TRABALHO;MESTRE DE OBRAS MORRE AO SER ATINGIDO POR COLUNA DE CONCRETO DURANTE DEMOLIÇÃO DE CASA EM PARNAÍBA

FORÇA POLICIAL | 22:24 |

Um acidente de trabalho matou o mestre de obras Edilson Carvalho dos Santos, 58 anos de idade, por volta das 16h desta quinta-feira (08/01) em uma construção civil na Rua Ceará, na esquina com a Rua Caramuru, Bairro São Francisco da Guarita, em Parnaíba.
Segundo Manoel Martins, que estava trabalhando com Edílson, o mesmo estava batendo com uma marreta para demolir uma construção velha para a edificação de uma nova casa. Edílson estava em cima de uma escada demolindo uma coluna que caiu sobre sua cabeça e o matou. O crânio da vítima ficou fraturado. Em seguida, uma equipe do Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (SAMU) foi até o local e constatou o óbito. Policiais militares, sob comando do tenente Vagno Aguiar, foram até o local e isolaram a área. Segundo a esposa de Edílson, seu marido estava trabalhando naquela obra a menos de um mês. A situação reuniu curiosos que observavam em silêncio o ocorrido. Em seguida, uma equipe do IML de Parnaíba, composta por Robinson Castillo e Luís Beline, realizaram a remoção do corpo do pedreiro para o Posto Avançado.






Fontes;Com Edição: Proparnaiba Fotos: Jaylson/Caldeirão do Crime

Veja Outras Matérias Abaixo:

Seja Profissional Indique Á Fonte Correta; :
Plágio é crime,Veja;No campo penal: “Art. 184. Violar direitos de autor e os que lhe são conexos: (Redação dada pela Lei nº 10.695, de 1º.7.2003). Pena - detenção, de 3 (três) meses a 1 (um) ano, ou multa. (Redação dada pela Lei nº 10.695, de 1º.7.2003). § 1o Se a violação consistir em reprodução total ou parcial, com intuito de lucro direto ou indireto, por qualquer meio ou processo, de obra intelectual, interpretação, execução ou fonograma, sem autorização expressa do autor, do artista intérprete ou executante, do produtor, conforme o caso, ou de quem os represente: (Redação dada pela Lei nº 10.695, de 1º.7.2003). Pena - reclusão, de 2 (dois) a 4 (quatro) anos, e multa. (Redação dada pela Lei nº 10.695, de 1º.7.2003)”.Fonte;Portal A Desgraça