Atenção;Este site contém cenas violentas inadequadas para menores de 18 anos e pessoas sensíveis Aqui assuntos policiais são tratados da mais real maneira possível

EM UM BAR NO PARÁ HOMEM ABRE FOGO CONTRA FREQUENTADORES E DEIXA 09 FERIDOS:

FORÇA POLICIAL | 22:55 |

Uma tragédia marcou o início do ano na praia do Caripi na região do Baixo Tocantins no município de Barcarena (114 km de Belém). O fato ocorreu no final desta última semana em um estabelecimento conhecido como Bar da Gruta onde um homem armado teria se aproximado do local que estava bastante movimentado e após uma discussão acabou efetuando vários disparos atingindo pelo menos 09 pessoas que estavam no bar.
De acordo com as informações repassadas pela Polícia Militar, as vítimas se divertiam no local quando em um determinado momento um homem chega em uma motocicleta e por motivos ainda desconhecidos discute com algumas pessoas. Em meio à discussão o indivíduo que provavelmente estava embriagado saca uma arma de fogo e faz uma série de disparos. Nove pessoas foram atingidas pelos disparos e socorridas imediatamente por ambulâncias que estavam próximas a praia. Seis das vítimas foram encaminhadas ao Hospital Metropolitano de Urgência e Emergência em Ananindeua (HMUE) onde permanecem internadas. As demais vítimas foram levadas para o Hospital Municipal de Barcarena e para o Pronto Socorro Municipal do Bairro Umarizal em Belém. As vítimas atingidas pelos tiros foram identificadas como Rafael Silva Lima de 18 anos, Thainar Tamires dos Santos de 21 anos, Antonielson Neves Oliveira de 24 anos, Francisco Nascimento da Silva de 24 anos, Naila Carvalho Marques de 22 anos, Yann Rodrigo, Francisco Silva dos Santos de 22 anos, Wilton de Jesus de 27 anos e Nailson Carvalho Marques. Uma equipe comandada pelo capitão Brito Júnior do 14º Batalhão da Polícia Militar do Pará prendeu três suspeitos de ter cometido o crime, mas posteriormente os suspeitos tiveram participação descartada pela polícia e foram liberados. Cinco testemunhas do tiroteio foram ouvidas na tarde desta última sexta-feira (02) pela delegada Kezia Cabral. A Delegacia de Polícia Civil de Barcarena segue investigando o caso. Neste domingo (04) tentamos informações em relação ao estado de saúde dos feridos, mas não conseguimos contato com os hospitais e nem nossas ligações foram retornadas.





Alison Maia Plantão Policial

Veja Outras Matérias Abaixo:

Seja Profissional Indique Á Fonte Correta; :
Plágio é crime,Veja;No campo penal: “Art. 184. Violar direitos de autor e os que lhe são conexos: (Redação dada pela Lei nº 10.695, de 1º.7.2003). Pena - detenção, de 3 (três) meses a 1 (um) ano, ou multa. (Redação dada pela Lei nº 10.695, de 1º.7.2003). § 1o Se a violação consistir em reprodução total ou parcial, com intuito de lucro direto ou indireto, por qualquer meio ou processo, de obra intelectual, interpretação, execução ou fonograma, sem autorização expressa do autor, do artista intérprete ou executante, do produtor, conforme o caso, ou de quem os represente: (Redação dada pela Lei nº 10.695, de 1º.7.2003). Pena - reclusão, de 2 (dois) a 4 (quatro) anos, e multa. (Redação dada pela Lei nº 10.695, de 1º.7.2003)”.Fonte;Portal A Desgraça