Atenção;Este site contém cenas violentas inadequadas para menores de 18 anos e pessoas sensíveis Aqui assuntos policiais são tratados da mais real maneira possível

Homem é encontrado morto e carbonizado em área rural em Itabuna

FORÇA POLICIAL | 09:34 |

O motociclista Nerisvaldo Souza, mais conhecido como "Nego", foi assassinado com requintes de crueldade na estrada de Mutuns, distrito de Itabuna, na manhã desta segunda feira (12).
O corpo de Nerisvaldo e a moto foram queimados na estrada que da acesso a vila de Mutuns, provavelmente por homens que estavam de tocaia dentro do mato. Nerisvaldo estava indo para o trabalho. Passageiros do ônibus que faz a linha Itabuna-Mutuns ainda tentaram apagar o fogo, mas não obtiveram sucesso. Marcas de sangue foram encontradas nas proximidades do local do crime. Nerisvaldo, que estava usando o uniforme da empresa onde trabalha, era muito conhecido em Mutuns. O irmão dele reconheceu o corpo. Ele garantiu que Nerisvaldo não tinha envolvimento com o mundo crime e disse não entender a motivação do crime. A perícia técnica vai pedir exame de DNA para o reconhecimento cadavérico.A polícia militar e o Verdinho Itabuna está no local aguardando a chegada do Departamento de Polícia Técnica (DPT).




Fonte;Blog Verdinho Itabuna

Veja Outras Matérias Abaixo:

Seja Profissional Indique Á Fonte Correta; :
Plágio é crime,Veja;No campo penal: “Art. 184. Violar direitos de autor e os que lhe são conexos: (Redação dada pela Lei nº 10.695, de 1º.7.2003). Pena - detenção, de 3 (três) meses a 1 (um) ano, ou multa. (Redação dada pela Lei nº 10.695, de 1º.7.2003). § 1o Se a violação consistir em reprodução total ou parcial, com intuito de lucro direto ou indireto, por qualquer meio ou processo, de obra intelectual, interpretação, execução ou fonograma, sem autorização expressa do autor, do artista intérprete ou executante, do produtor, conforme o caso, ou de quem os represente: (Redação dada pela Lei nº 10.695, de 1º.7.2003). Pena - reclusão, de 2 (dois) a 4 (quatro) anos, e multa. (Redação dada pela Lei nº 10.695, de 1º.7.2003)”.Fonte;Portal A Desgraça