Atenção;Este site contém cenas violentas inadequadas para menores de 18 anos e pessoas sensíveis Aqui assuntos policiais são tratados da mais real maneira possível

EM MONSENHOR TABOSA PRESOS TRANCAM CARCEREIRO NO XADREZ E FOGEM USANDO A MOTO DO MESMO

FORÇA POLICIAL | 06:35 |

Uma fuga inusitada de presos foi registrada por volta das 20:30 horas desta terça-feira (26), da Cadeia Pública do município de Monsenhor Tabosa. De acordo com a Polícia Militar, três presos da justiça, inicialmente identificados como:
Marciel, Jairan e Pica-Pau, fugiram após renderem o carcereiro e trancarem o mesmo em uma das celas da prisão. Em seguida o trio fugiu usando a moto do carcereiro que se encontrava no local. A Polícia Militar, sob o comando do Sargento Rogério, ao tomar conhecimento do ocorrido, foi até o local, libertou o carcereiro e deu início às buscas na tentativa de recapturar os fugitivos. Minutos depois, a Polícia localizou a moto utilizada na fuga, abandonada em uma estrada próximo da sede após a corrente ter quebrado. A Polícia informou que os três fugitivos se embrenharam no matagal. Informou ainda que as buscas vão continuar e espera lograr êxito na recapturação. Os dados da motocicleta utilizada na fuga e o nome do carcereiro que estava de plantão ainda não foram informados. Fonte: Página Aberta

Veja Outras Matérias Abaixo:

Seja Profissional Indique Á Fonte Correta; :
Plágio é crime,Veja;No campo penal: “Art. 184. Violar direitos de autor e os que lhe são conexos: (Redação dada pela Lei nº 10.695, de 1º.7.2003). Pena - detenção, de 3 (três) meses a 1 (um) ano, ou multa. (Redação dada pela Lei nº 10.695, de 1º.7.2003). § 1o Se a violação consistir em reprodução total ou parcial, com intuito de lucro direto ou indireto, por qualquer meio ou processo, de obra intelectual, interpretação, execução ou fonograma, sem autorização expressa do autor, do artista intérprete ou executante, do produtor, conforme o caso, ou de quem os represente: (Redação dada pela Lei nº 10.695, de 1º.7.2003). Pena - reclusão, de 2 (dois) a 4 (quatro) anos, e multa. (Redação dada pela Lei nº 10.695, de 1º.7.2003)”.Fonte;Portal A Desgraça