Atenção;Este site contém cenas violentas inadequadas para menores de 18 anos e pessoas sensíveis Aqui assuntos policiais são tratados da mais real maneira possível

Duas Mulhers foram detidas no momento que faziam o pagamento para livrar o filho da cadeia em Areia Branca

FORÇA POLICIAL | 06:59 |

Agentes da Policia Civil da cidade de Areia Branca prenderam em flagrante na tarde de ontem, 17 de Setembro, duas mulheres tentando pagar “Seis mil reais” para o filho de uma delas não ser preso em um crime ambiental.Vera Lucia da Silva de 48 anos de idade e Mary Cristina da Silva de 35, receberam a voz de prisão no momento que repassava o dinheiro aos Agentes Sidney e Rafael dentro da delegacia. Além dos Agentes, Renato Batista, Delegado responsável pela regional, comunicou às mulheres que elas estavam sendo presas por corrupção ativa.
Como aconteceu: Os Agentes foram na residência de um individuo conhecido como “Lucimario” que já cumpriu pena por tráfico de droga, mas o mesmo não estava em casa ou escapou da ação, mas os Agentes encontraram varias gaiolas com pássaros, que pertencia ao mesmo. Como não houve flagrante, pela ausência do “Tal Lucimario” o processo será conduzido por portaria.Temendo a prisão do filho mais uma vez, a mãe do rapaz ofereceu o dinheiro aos agentes, que combinaram o local e horário do pagamento. As duas mulheres foram detidas na tarde de ontem, mas segundo informações, o Delegado Renato Batista iria conversar com as mesmas na manhã de hoje. A senhora que fazia companhia a dona do dinheiro poderá ser colocada em liberdade.
Fonte;O Câmera

Veja Outras Matérias Abaixo:

Seja Profissional Indique Á Fonte Correta; :
Plágio é crime,Veja;No campo penal: “Art. 184. Violar direitos de autor e os que lhe são conexos: (Redação dada pela Lei nº 10.695, de 1º.7.2003). Pena - detenção, de 3 (três) meses a 1 (um) ano, ou multa. (Redação dada pela Lei nº 10.695, de 1º.7.2003). § 1o Se a violação consistir em reprodução total ou parcial, com intuito de lucro direto ou indireto, por qualquer meio ou processo, de obra intelectual, interpretação, execução ou fonograma, sem autorização expressa do autor, do artista intérprete ou executante, do produtor, conforme o caso, ou de quem os represente: (Redação dada pela Lei nº 10.695, de 1º.7.2003). Pena - reclusão, de 2 (dois) a 4 (quatro) anos, e multa. (Redação dada pela Lei nº 10.695, de 1º.7.2003)”.Fonte;Portal A Desgraça