Atenção;Este site contém cenas violentas inadequadas para menores de 18 anos e pessoas sensíveis Aqui assuntos policiais são tratados da mais real maneira possível

ASSALTANTES TENTAM A SORTE MAIS PELA A FRENTE ENCONTRAM O AZAR;UM DELES LEVOU UM TIRO NA CARA

portal a desgraça | 14:05 |

Um assaltante teve o rosto atingido por bala disparada por policiais quando estavam acompanhado de outro assaltante e roubou uma motocicleta Honda CB 300 no posto de combustível Mercury, na esquina das rua Governador João Gayoso de Almendra com a avenida João XXIII, no bairro São Cristóvão, zona leste de Teresina.
O frentista do posto, André Pereira disse que dois assaltantes tinham roubado uma motocicleta e quando passaram no balão do São Cristóvão o alarme foi disparado, eles abandonaram o veículo e saíram correndo em direção ao posto.
Armados com revólver calibre 32 tomaram de assalto outra motocicleta e ao tentar fugir foram atingidos. Segundo Andŕe, quando um dos assaltantes colocou a arma na cintura e subiram na motocicleta para fugir, dois policiais militares que estava na loja de acessórios para militares, Zero 1, observaram o assalto e dispararam contra os assaltantes. Os policiais esperaram os bandidos subirem na moto para não ter como reagir. O assaltante atingido caiu no chão e o outro foi preso. A motocicleta foi recuperada. “O estado de saúde do assaltante é crítico”, declarou André Pereira. O assaltante foi socorrido pelo SAMU (Serviço de Atendimento Móvel de Urgência) e foi levado para o HUT ( Hospital de Urgências de Teresina) A polícia isolou o posto, onde é possível observar muito sangue, uma carteira de cigarros já usada e fragmentos de cérebro do assaltante atingido.Por MeioNorte

Veja Outras Matérias Abaixo:

Seja Profissional Indique Á Fonte Correta; :
Plágio é crime,Veja;No campo penal: “Art. 184. Violar direitos de autor e os que lhe são conexos: (Redação dada pela Lei nº 10.695, de 1º.7.2003). Pena - detenção, de 3 (três) meses a 1 (um) ano, ou multa. (Redação dada pela Lei nº 10.695, de 1º.7.2003). § 1o Se a violação consistir em reprodução total ou parcial, com intuito de lucro direto ou indireto, por qualquer meio ou processo, de obra intelectual, interpretação, execução ou fonograma, sem autorização expressa do autor, do artista intérprete ou executante, do produtor, conforme o caso, ou de quem os represente: (Redação dada pela Lei nº 10.695, de 1º.7.2003). Pena - reclusão, de 2 (dois) a 4 (quatro) anos, e multa. (Redação dada pela Lei nº 10.695, de 1º.7.2003)”.Fonte;Portal A Desgraça