Atenção;Este site contém cenas violentas inadequadas para menores de 18 anos e pessoas sensíveis Aqui assuntos policiais são tratados da mais real maneira possível

CAPITÃO DA PM É EXECUTADO A TIROS A CAMINHO DO QUARTEL NA CIDADE DE QUIXADÁ-CE

FORÇA POLICIAL | 13:12 |

No inicio da manhã desta quarta-feira (12), no bairro do Alto São Francisco, na periferia de Quixadá, dois homens abordam um capitão da policia militar e o executam com um tiro na cabeça. O Capitão Joaquim Soares Leite, de 64 anos, foi executado por dois homens que o abordaram na Rua Benigno Bezerra em um bar quando conversava com amigos, um ato costumeiro do Capitão Soares a caminho do quartel onde era o Coordenador da guarda Patrimonial.
Capitão Soares encontrava-se fardado e deixa a esposa com uma filha órfã.Segundo informações de populares os dois homens chegaram em uma moto preta sem placas. Após o crime os criminosos fugiram sem deixar pistas. Uma operação esta sendo desencadeada pela policia militar e civil na cidade, em bairros com pontos críticos estão sendo vasculhados, na localidade de Mutirão no bairro do Campo Velho um intenso tiroteio foi travado entre policia e suspeitos onde um dos homens foi morto e outros suspeitos foram presos. O corpo do Capitão foi levado para o Hospital Eudasio Barroso onde aguarda a Pericia Forense para ser removido para o IML de Quixeramobim ;
Sertão Alerta

Veja Outras Matérias Abaixo:

Seja Profissional Indique Á Fonte Correta; :
Plágio é crime,Veja;No campo penal: “Art. 184. Violar direitos de autor e os que lhe são conexos: (Redação dada pela Lei nº 10.695, de 1º.7.2003). Pena - detenção, de 3 (três) meses a 1 (um) ano, ou multa. (Redação dada pela Lei nº 10.695, de 1º.7.2003). § 1o Se a violação consistir em reprodução total ou parcial, com intuito de lucro direto ou indireto, por qualquer meio ou processo, de obra intelectual, interpretação, execução ou fonograma, sem autorização expressa do autor, do artista intérprete ou executante, do produtor, conforme o caso, ou de quem os represente: (Redação dada pela Lei nº 10.695, de 1º.7.2003). Pena - reclusão, de 2 (dois) a 4 (quatro) anos, e multa. (Redação dada pela Lei nº 10.695, de 1º.7.2003)”.Fonte;Portal A Desgraça