Atenção;Este site contém cenas violentas inadequadas para menores de 18 anos e pessoas sensíveis Aqui assuntos policiais são tratados da mais real maneira possível

ELE AMARROU A CUNHADA ESTUPROU E DEIXOU O CABO DA FACA ENFIADO NO ÂNUS DA VÍTIMA

FORÇA POLICIAL | 13:22 |

O GPM de Buriti dos Lopes logrou êxito em prender o nacional Antonio Glaudecir Gomes, conhecido 'Barrão" acusado de ter estuprado a própria cunhada com requinte de crueldade na madrugada desse sábado(08/11), na zona rural de Buriti dos Lopes.
A vítima com a idade de 29 anos, foi amarrada, violentada, estuprada, e o cabo de uma faca foi enfiado em seus ânus. Ela foi encaminhada ao IML de Parnaíba para realização do exame de Conjunção Carnal, sendo retirado um pedaço de pau medindo aproximadamente 10 cm, de dentro da sua vagina.A prisão do maníaco aconteceu nessa manhã de domingo(09/11), na Ilha do Meio, localizada na Passagem das Canoas, zona rural de Buriti dos Lopes.Os policiais receberam a informação do local onde Barrão residia, onde tiveram de atravessar o leito do rio em uma embarcação.Local onde Barrão foi preso, em uma cabana localizada na Ilha do Meio, lugar de difícil acesso.Barrão está recolhido em uma cela isolada dos outros presos na central de flagrantes de Parnaíba.O delegado Rodrigo Mello, plantonista daquela distrital, autuou o acusado pelo crime previsto no CPB, de Atentado Violento ao Pudor.



Um pedaço de pau medindo pelo menos 10 cm foi retirado da vagina da vítima. (foto abaixo)
Fonte;Portal Do Catita

Veja Outras Matérias Abaixo:

Seja Profissional Indique Á Fonte Correta; :
Plágio é crime,Veja;No campo penal: “Art. 184. Violar direitos de autor e os que lhe são conexos: (Redação dada pela Lei nº 10.695, de 1º.7.2003). Pena - detenção, de 3 (três) meses a 1 (um) ano, ou multa. (Redação dada pela Lei nº 10.695, de 1º.7.2003). § 1o Se a violação consistir em reprodução total ou parcial, com intuito de lucro direto ou indireto, por qualquer meio ou processo, de obra intelectual, interpretação, execução ou fonograma, sem autorização expressa do autor, do artista intérprete ou executante, do produtor, conforme o caso, ou de quem os represente: (Redação dada pela Lei nº 10.695, de 1º.7.2003). Pena - reclusão, de 2 (dois) a 4 (quatro) anos, e multa. (Redação dada pela Lei nº 10.695, de 1º.7.2003)”.Fonte;Portal A Desgraça