Atenção;Este site contém cenas violentas inadequadas para menores de 18 anos e pessoas sensíveis Aqui assuntos policiais são tratados da mais real maneira possível

QUANDO UM GRITO É MAIOR QUE A DOR;PAI NÃO SE CONFORMA COM FILHO MORTO EM SEUS BRAÇOS

FORÇA POLICIAL | 14:39 |

O Fim dos Tempos se Aproxima !!!! Marcos, 13:8 - Pois se levantará nação contra nação, e reino contra reino; e haverá terremotos em diversos lugares, e haverá fomes. Isso será o princípio das dores. Marcos, 13:12 - Um irmão entregará à morte a seu irmão, e um pai a seu filho; e filhos se levantarão contra os pais e os matarão.
Eu preciso ser uma “fortaleza voadora”, avião bombardeiro destinado a ataques na Segunda Grande Guerra. Eu queria gritar o meu silêncio, mas a mordaça veio ao mundo desde o meu primeiro choro. Sim, eu desejaria uma felicidade plena, mas o fato é que ela não existe. A filosofia comprova isso, pois nunca estamos satisfeitos com o que temos. Sol, chuva, nada agrada! Eu preciso ser forte para enfrentar as minhas fraquezas e buscar no cansaço deste século louco não as linguagens binárias, mas um contato físico que possa ver a minha cegueira incerta. As incertezas são maiores que os meus sonhos. Sim! Eu tenho sonhos. Alguns realizados, outros que vou levar para a sepultura. Eu preciso amar e não odiar tanto. Não posso ser hipócrita e dar largo sorriso para as pontes que vou atravessar. Não sou os paladinos, principais guerreiros de Carlos Magno, e estou bem longe de atingir o posto do oráculo de Delfos para travar diálogo com Apolo. E para os que pensam que vou arriscar meu reino por Helena, engano! Vá para os braços de Páris e enfrente a fúria de Menelau e o seu cavalo de madeira. Eu preciso de uma boa xícara de café. O mais quente possível. Faz-se necessário destruir a calota polar Ártica da minha alma e poder acreditar neste mundo às avessas. Parece que o grande destino da humanidade é o não saber e buscar nas minerações da alma diamantes de sangue. Não senhores e senhoras. Não desejo o ouro dos Maia ou ser uma réplica barata de Francisco Pizarro para aprisionar os Atahualpa da modernidade. Eu preciso de paz neste mundo humano e ao mesmo tempo desumano. Não quero lamentar no muro de Israel, observar as desgraças da Faixa de Gaza ou ver jovens mortos e tragados no Brasil pelas drogas. Mas se for preciso, faço esse gesto para que nunca mais possa ver um pai segurando sua filha com o crânio esfacelado. Não, isso eu não quero! Parem em nome de Allah. Em nome de El-Shadday! A foto chocante é exatamente para chocar. É preciso entendermos o mundo como uma zona de guerra. Não poderia colocar flores. É forte a imagem? É, mas todos os dias, talvez na sua calçada, tenha um cadáver vítima de morte violenta. Mas a sociedade prefere esconder assa dura realidade. Quanto a questão religiosa, já tratei nos meus comentários. Não se trata aqui se Israel ou a Palestina está certa. Trata-se de dois povos que, por razões históricas, e ainda mais política, vivem numa guerra sem fim. Mas observem que a grande maioria da população desses dois países buscam a paz, mas os senhores da guerra, que lucram muito comprando armas, não querem ver o fim do conflito e, sim, muito mais fotos como essa postada. Ah, e não há só guerra no Oriente Médio. É bom lembrar!!!! Para finalizar, preciso falar que a morte é natural na vida de qualquer ser humano. Mas uma morte violenta, assim como foi a do meu irmão, assassinado em 2000 com um tiro na cabeça, é inadmissível. Vi, vi sim o crânio do meu irmão esfacelado. Sobre o seu jazigo, coloquei flores, como este pai deve ter colocado com a sua filhinha. Mas, no final, fica uma dor que não passa. Eliabe Castor (Colunista)




Portal A Desgraça

Veja Outras Matérias Abaixo:

Seja Profissional Indique Á Fonte Correta; :
Plágio é crime,Veja;No campo penal: “Art. 184. Violar direitos de autor e os que lhe são conexos: (Redação dada pela Lei nº 10.695, de 1º.7.2003). Pena - detenção, de 3 (três) meses a 1 (um) ano, ou multa. (Redação dada pela Lei nº 10.695, de 1º.7.2003). § 1o Se a violação consistir em reprodução total ou parcial, com intuito de lucro direto ou indireto, por qualquer meio ou processo, de obra intelectual, interpretação, execução ou fonograma, sem autorização expressa do autor, do artista intérprete ou executante, do produtor, conforme o caso, ou de quem os represente: (Redação dada pela Lei nº 10.695, de 1º.7.2003). Pena - reclusão, de 2 (dois) a 4 (quatro) anos, e multa. (Redação dada pela Lei nº 10.695, de 1º.7.2003)”.Fonte;Portal A Desgraça