Atenção;Este site contém cenas violentas inadequadas para menores de 18 anos e pessoas sensíveis Aqui assuntos policiais são tratados da mais real maneira possível

EM QUIXERAMOBIM-CE;BANDIDOS ORDENAM QUE PASSAGEIROS ABANDONE VEÍCULO E EXECUTAM O MOTORISTA A BALA

FORÇA POLICIAL | 13:17 |

A Polícia Militar registrou um homicídio à bala na tarde desta quarta-feira, 17, na CE Quixeramobim-Madalena (166/265), à seis quilômetros da sede do município de Quixeramobim, nas proximidades da localidade de Flores.Segundo informações apuradas pelo Sistema Maior de Comunicação no local do ocorrido, a vítima trata-se de Antônio de Pádua Vasconcelos, 50 anos.
Ele conduzia um veículo Gol de placas NOJ 2245, com inscrição de Manaus. Antônio de Pádua era morador da localidade de Algodões, no Distrito de Damião Carneiro e trabalhava como motorista de lotação no trajeto de Algodões - Quixeramobim.De acordo com populares, ele foi abordado por dois homens em duas motos que pediram para os passageiros do veículo descerem e, em seguida, executaram a vítima. O veículo guiado por Antônio foi encontrado a cerca de 60 metros da pista de rolamento. A área está isolada pela Polícia Militar. Uma equipe do Instituto Médico Legal (IML) foi acionada para remover o corpo para realização de Perícia. A Autarquia Municipal de Trânsito (AMTQ) também foi acionada e auxilia nos trabalhos da PM.



Postado por: Jornalismo - Sistema Maior de Comunicação

Veja Outras Matérias Abaixo:

Seja Profissional Indique Á Fonte Correta; :
Plágio é crime,Veja;No campo penal: “Art. 184. Violar direitos de autor e os que lhe são conexos: (Redação dada pela Lei nº 10.695, de 1º.7.2003). Pena - detenção, de 3 (três) meses a 1 (um) ano, ou multa. (Redação dada pela Lei nº 10.695, de 1º.7.2003). § 1o Se a violação consistir em reprodução total ou parcial, com intuito de lucro direto ou indireto, por qualquer meio ou processo, de obra intelectual, interpretação, execução ou fonograma, sem autorização expressa do autor, do artista intérprete ou executante, do produtor, conforme o caso, ou de quem os represente: (Redação dada pela Lei nº 10.695, de 1º.7.2003). Pena - reclusão, de 2 (dois) a 4 (quatro) anos, e multa. (Redação dada pela Lei nº 10.695, de 1º.7.2003)”.Fonte;Portal A Desgraça