Atenção;Este site contém cenas violentas inadequadas para menores de 18 anos e pessoas sensíveis Aqui assuntos policiais são tratados da mais real maneira possível

PADASTRO MATA A ENTEADA A TIRO E TRANSA COM O CADÁVER DELA

FORÇA POLICIAL | 09:08 |

Um homem atirou e matou sua enteada para que ele pudesse filmar a si mesmo realizando um ato íntimo de abuso ao cadáver da vítima. Gregory Graf, de 53 anos, fez um vídeo de si mesmo tendo relação íntima com o corpo de Jessica Padgett, de 33 anos de idade, e as imagens foram posteriormente encontradas em seu computador.
Promotores alegaram que Gregory confessou que havia matado Jessica. Eles acrescentaram que Gragory foi motivado a cometer o crime por conta da necrofilia, uma distúrbio doentio onde se deseja ter relações íntimas com cadáveres. Jessica foi vista pela última vez viva em Easton, na Pensilvânia (EUA), no dia 21 de novembro, quando ia para o trabalho. Seu corpo foi descoberto mais tarde atrás de um galpão, na casa de sua mãe, onde Gregory também morava. Gregory Graf matou enteada e filmou si mesmo realizando ato íntimo com o corpo da vítima nos Estados Unidos. A vítima, uma mãe de três filhos, tinha acabado de se casar, e era descrita como “uma jovem mulher vibrante, bonita, que era amada por sua família e amigos.” O homem está sendo acusado pelo cruel e por abuso de um cadáver.

Veja Outras Matérias Abaixo:

Seja Profissional Indique Á Fonte Correta; :
Plágio é crime,Veja;No campo penal: “Art. 184. Violar direitos de autor e os que lhe são conexos: (Redação dada pela Lei nº 10.695, de 1º.7.2003). Pena - detenção, de 3 (três) meses a 1 (um) ano, ou multa. (Redação dada pela Lei nº 10.695, de 1º.7.2003). § 1o Se a violação consistir em reprodução total ou parcial, com intuito de lucro direto ou indireto, por qualquer meio ou processo, de obra intelectual, interpretação, execução ou fonograma, sem autorização expressa do autor, do artista intérprete ou executante, do produtor, conforme o caso, ou de quem os represente: (Redação dada pela Lei nº 10.695, de 1º.7.2003). Pena - reclusão, de 2 (dois) a 4 (quatro) anos, e multa. (Redação dada pela Lei nº 10.695, de 1º.7.2003)”.Fonte;Portal A Desgraça