Atenção;Este site contém cenas violentas inadequadas para menores de 18 anos e pessoas sensíveis Aqui assuntos policiais são tratados da mais real maneira possível

EM QUIXADÁ DURANTE CACHAÇADA HOMEM É EXECUTADO COM TIRO DE 12 NA CARA

FORÇA POLICIAL | 13:47 |

Uma equipe do Instituto Médico Legal-IML regional de Quixeramobim conduziu o corpo para a unidade.Com tiros no abdômen e outro no pescoço, um homem foi assassinado na localidade de Boa Água, Distrito de Cipó dos Anjos, em Quixadá. O delito ocorreu durante uma bebedeira em um estabelecimento comercial.
O informativo do 9º Batalhão da Polícia Militar não divulgou o nome da vítima, apenas as iniciais, F. W. C. P, 20 anos, residente no Centro de Fortaleza. Os disparos foram efetuados através de uma espingarda de calibre 12.Uma equipe policial compareceu ao local e tentou pegar informações com populares, mas ninguém soube ou quis informar quem teria sido o autor dos disparos, porém, disseram apenas que a vítima estava chegando no bar, em uma motocicleta em companhia de um individuo conhecido por “Leno”, que também mora em Fortaleza, mas que não foi localizado pela composição.Uma equipe do Instituto Médico Legal-IML regional de Quixeramobim conduziu o corpo para a unidade.


Postado por Blog do Gesso

Veja Outras Matérias Abaixo:

Seja Profissional Indique Á Fonte Correta; :
Plágio é crime,Veja;No campo penal: “Art. 184. Violar direitos de autor e os que lhe são conexos: (Redação dada pela Lei nº 10.695, de 1º.7.2003). Pena - detenção, de 3 (três) meses a 1 (um) ano, ou multa. (Redação dada pela Lei nº 10.695, de 1º.7.2003). § 1o Se a violação consistir em reprodução total ou parcial, com intuito de lucro direto ou indireto, por qualquer meio ou processo, de obra intelectual, interpretação, execução ou fonograma, sem autorização expressa do autor, do artista intérprete ou executante, do produtor, conforme o caso, ou de quem os represente: (Redação dada pela Lei nº 10.695, de 1º.7.2003). Pena - reclusão, de 2 (dois) a 4 (quatro) anos, e multa. (Redação dada pela Lei nº 10.695, de 1º.7.2003)”.Fonte;Portal A Desgraça