Atenção;Este site contém cenas violentas inadequadas para menores de 18 anos e pessoas sensíveis Aqui assuntos policiais são tratados da mais real maneira possível

PRF PRENDE CARTÃOZEIRO QUE VINHA DE SÃO PAULO PARA SOBRAL-CE

FORÇA POLICIAL | 06:37 |

Por volta das 11h20 de ontem,15 de setembro, durante fiscalização de rotina no km 381 da BR-116, em Icó, agentes da Polícia Rodoviária Federal abordaram um ônibus que fazia o itinerário São Paulo - Sobral. Ao verificarem as bagagens dos passageiros, os policiais encontraram dentro de uma caixa de sapatos, envolto numa sacola de plástico, vários cartões de diversos bancos, um objeto vulgarmente conhecido como chupa-cabras usado para pegar senhas de cartões, frente de caixas eletrônicos, inclusive, com o gabinete onde é inserido o cartão, câmeras e outros objetos.
Questionados sobre a propriedade do material, uma das passageiras informou que viu quando um passageiro, que havia subido no estado da Bahia, entrou no ônibus com a sacola. O homem, que estava no veículo em companhia de sua mãe, foi questionado pelos policiais e entrou em contradição por diversas vezes durante a entrevista. Os envolvidos foram levados, juntamente com todo o material apreendido, à Delegacia de Polícia Civil de Icó para o prosseguimento das investigações e lavratura do procedimento. (Flagrante por infração ao artigo 171 combinado com art.14, inciso II do CPB - Tentativa de Estelionato e art. 180 do CPB) Fonte:informações PRF

Veja Outras Matérias Abaixo:

Seja Profissional Indique Á Fonte Correta; :
Plágio é crime,Veja;No campo penal: “Art. 184. Violar direitos de autor e os que lhe são conexos: (Redação dada pela Lei nº 10.695, de 1º.7.2003). Pena - detenção, de 3 (três) meses a 1 (um) ano, ou multa. (Redação dada pela Lei nº 10.695, de 1º.7.2003). § 1o Se a violação consistir em reprodução total ou parcial, com intuito de lucro direto ou indireto, por qualquer meio ou processo, de obra intelectual, interpretação, execução ou fonograma, sem autorização expressa do autor, do artista intérprete ou executante, do produtor, conforme o caso, ou de quem os represente: (Redação dada pela Lei nº 10.695, de 1º.7.2003). Pena - reclusão, de 2 (dois) a 4 (quatro) anos, e multa. (Redação dada pela Lei nº 10.695, de 1º.7.2003)”.Fonte;Portal A Desgraça