Atenção;Este site contém cenas violentas inadequadas para menores de 18 anos e pessoas sensíveis Aqui assuntos policiais são tratados da mais real maneira possível

POLÍCIA INVESTIGA O DESAPARECIMENTO MISTERIOSO DE 10 JOVENS NOS ÚLTIMOS DOIS MESES NO CEARÁ

FORÇA POLICIAL | 15:06 |

As características dos crimes são parecidas: homens armados obrigam os jovens a entrarem em um carro; em seguida, os adolescentes são encontrados mortos. Uma nova prática de crime vem ocorrendo no Ceará, nos últimos meses. Em agosto e setembro deste ano, 10 jovens desapareceram misteriosamente no estado. Os casos ocorreram em Fortaleza, Caucaia e Redenção, e vêm deixando moradores assustados.
Os crimes têm características semelhantes: homens armados – alguns se passando até por policiais – obrigam os jovens a entrarem em um carro. Dias depois do sumiço, os adolescentes são encontrados mortos. Para moradores, parece atuação de milícia. Para a Polícia Civil, os casos são diferentes, podendo ser cometidos por acerto de contas ou queima de arquivo. “Podem ser por uma série de fatores, isso sempre aconteceu e sempre vai acontecer. Tem que ser investigado para saber quem levou as vítimas e o motivo disso”, explica o diretor de Departamento de Polícia Metropolitana, Jairo Pequeno. Nos episódios, o delegado acredita que os jovens desaparecidos deveriam conhecer os criminosos e, por isso, entravam no carro sem fazer tanto alarde. “Não é o bicho papão que vai pegar não. Os adolescentes poderiam ser parceiros, ter um vínculo, para ir numa boa”, aponta. De acordo com ele, os casos serão investigados e, se a polícia estiver envolvida, responderá da mesma forma. “Na verdade, é bem pior, porque seria uma polícia bandida, um grupo de extermínio”. Os casos O primeiro caso registrado pelo programa Barra Pesada, da TV Jangadeiro, ocorreu em 19 de agosto, no município de Redenção. Quatro jovens foram sequestrados de uma residência e encontrados mortos duas semanas depois, no dia 1º de setembro, em um canavial na localidade Sítio Livramento, em Redenção. De acordo com a Polícia Militar, um agricultor capinava o terreno e viu o rosto de um deles. Quando os peritos chegaram, descobriram os quatro corpos enterrados em covas rasas. “Os bandidos estão procurando se aperfeiçoar a cada dia, para dificultar a investigação da polícia. Em alguns casos, as vítimas eram envolvidas em crimes, como tráfico de drogas e furtos. E a lei deles é essa: se descumprir uma exigência, se estiver falando o que não deve, o comando maior já dá a ordem para matar“, indica Jairo Pequeno. Desde 28 de agosto, uma família procura por um jovem desaparecido em um supermercado localizado eme Caucaia, na Região Metropolitana de Fortaleza. Anderson Lopes da Silva, de 18 anos, teria ido ao estabelecimento comercial para utilizar um dos caixas eletrônicos. Em seguida, foi surpreendido por um dos seguranças que, armado e na companhia de outros homens, colocou o jovem dentro do veículo e desapareceu. O episódio, segundo a família, foi presenciado por clientes do supermercado.O mesmo aconteceu com outros dois jovens, no Bairro Bom Jardim, em Fortaleza, em 27 de setembro. Francivânio da Silva Mota e Denison Carlos de Freitas estavam juntos. A família informou que, em um último contato, Francivânio disse por telefone que estava sendo abordado pela polícia. “Mas como ele sabia que era a polícia de fato? Se chega uma pessoa na sua casa se passando por policial, com credencial, você vai acreditar, não é?”, indaga o delegado. Três adolescentes foram levados por supostos policiais civis quando voltavam de um jogo de futebol, em Fortaleza, no dia 29 de setembro. Segundo as famílias, os adolescentes seriam envolvidos em crimes no Bairro Antônio Bezerra. As mães procuravam por eles em hospitais, delegacias e até no Instituto Médico Legal, mas ninguém foi encontrado. Em 2 de outubro, três corpos foram achados em Caucaia, e suspeita-se que seriam deles. Em casos de desaparecimento, a família deve registrar – imediatamente – Boletim de Ocorrência na delegacia da região. “Esses quatro casos estão sendo investigados, para se instaurar o inquérito e descobrir os culpados. Independente de quem seja o mandante do crime, ele irá responder”, conclui.  
Fonte: Tribuna do Ceará

Veja Outras Matérias Abaixo:

Seja Profissional Indique Á Fonte Correta; :
Plágio é crime,Veja;No campo penal: “Art. 184. Violar direitos de autor e os que lhe são conexos: (Redação dada pela Lei nº 10.695, de 1º.7.2003). Pena - detenção, de 3 (três) meses a 1 (um) ano, ou multa. (Redação dada pela Lei nº 10.695, de 1º.7.2003). § 1o Se a violação consistir em reprodução total ou parcial, com intuito de lucro direto ou indireto, por qualquer meio ou processo, de obra intelectual, interpretação, execução ou fonograma, sem autorização expressa do autor, do artista intérprete ou executante, do produtor, conforme o caso, ou de quem os represente: (Redação dada pela Lei nº 10.695, de 1º.7.2003). Pena - reclusão, de 2 (dois) a 4 (quatro) anos, e multa. (Redação dada pela Lei nº 10.695, de 1º.7.2003)”.Fonte;Portal A Desgraça