Atenção;Este site contém cenas violentas inadequadas para menores de 18 anos e pessoas sensíveis Aqui assuntos policiais são tratados da mais real maneira possível

Três pessoas da mesma família são assassinadas na Bahia dentro de casa

FORÇA POLICIAL | 06:48 |

Na madrugada desta quarta-feira (22) um triplo homicídio envolvendo três pessoas da mesma família chocou a comunidade de Caraíbas, localizada no município de Umburanas (450 km de Salvador).
De acordo com informações, o irmão de um vereador identificado como Robson invadiu a residência das vitimas com dois homens ainda não identificados e matou a tiros um jovem identificado como Tiago de 18 anos, sua mãe Marli e o seu primo conhecido como ‘’ Niltão’’. Policiais Militares estiveram no local juntamente com peritos do departamento de policia técnica e encaminharam os corpos para o IML. Ainda segundo informações de moradores, os criminosos fugiram em um veiculo GM Corsa com placas de Salvador. O crime assustou toda a população que afirma que o assassino é um ex-presidiário e que inclusive já ameaçou entrar na Câmara Municipal e matar mais gente. O caso está sendo investigado e buscas estão sendo feitas para localizar os autores. Ainda não se sabe as motivações da chacina.


Plantão Policial

Veja Outras Matérias Abaixo:

Seja Profissional Indique Á Fonte Correta; :
Plágio é crime,Veja;No campo penal: “Art. 184. Violar direitos de autor e os que lhe são conexos: (Redação dada pela Lei nº 10.695, de 1º.7.2003). Pena - detenção, de 3 (três) meses a 1 (um) ano, ou multa. (Redação dada pela Lei nº 10.695, de 1º.7.2003). § 1o Se a violação consistir em reprodução total ou parcial, com intuito de lucro direto ou indireto, por qualquer meio ou processo, de obra intelectual, interpretação, execução ou fonograma, sem autorização expressa do autor, do artista intérprete ou executante, do produtor, conforme o caso, ou de quem os represente: (Redação dada pela Lei nº 10.695, de 1º.7.2003). Pena - reclusão, de 2 (dois) a 4 (quatro) anos, e multa. (Redação dada pela Lei nº 10.695, de 1º.7.2003)”.Fonte;Portal A Desgraça